Decoração Destaque

Organizando: closet improvisado

Sempre tive TOC – transtorno obsessivo compulsivo – de organização e o péssimo costume de não lembrar das peças que tenho no guarda roupa. Depois que resolvi encarar o blog como profissão aí foi que lascou tudo… Porque a quantidade de roupas, sapatos, bolsas, acessórios, makes e afins só aumenta, é uma crescente constante já que ganho muita coisa e preciso, mais do que nunca, variar o número de combinações pros looks do dia não ficarem repetitivos. Isso se tornou um drama… um sofrimento mesmo (só quem tem TOC entende), pois o antigo guarda roupa, cheio de portinhas e gavetas (DETESTO gavetas!!!!) não me deixava ter noção do ¨todo¨. 

closet

Além disso, tenho mais um problema….gigante. Casei e vim morar em Brasília, no apartamento que antes era ocupado só por Rodrigo, então aqui não tem espaço pra eu trazer minhas coisas e, como nossa vida ainda não está definida (não sabemos em que cidade iremos morar), não dá pra investir numa reforma, pois em breve, a gente vai colocar pra alugar.

Outro drama….ai gente, quanto drama hoje, né? hahahahahhaa Nosso apartamento em Recife só fica pronto no final do ano… lá é onde terei um closet/escritório pra organizar essa zona inteira. Enquanto isso…. vou me virando como dá!

Morando em Brasília, mas com o foco do trabalho em Recife, resolvi transformar meu quarto da casa de mainha num closet/escritório com uma cama hahaha Então a realidade é que preferi dormir dentro do closet a não ter um closet. Aqui em casa eu trabalho home office, escrevendo as pautas e pesquisando tendências, respondendo emails e organizando a equipe do blog à distância então trago poucas peças, roupas básicas e confortáveis, mas em Recife….o bicho pega. É evento, foto, mais evento, mais foto, reuniões, encontro com leitoras, mais fotos… o repuxo é GRANDE e preciso estar arrumada até na hora de pegar o elevador do prédio (SEMPRE encontro gente conhecida se eu estiver esculhambada!). Por isso, optei por deixar todas as minhas tralhas na casa de mainha e trazer só o essencial quando venho pra Brasília.

Ufa…deu pra entender? Até eu cansei, mas minha vida tá complexa, a explicação não poderia ser diferente hahahahha

Agora vamos à solução?!

Doei o guarda roupa antigo e comprei duas araras grandes na Tok Stok. Araras BOAS – porque tem muitas opções baratas, mas que não aguentam peso! – e cabides iguais, em tons de roxo e turquesa, pra que as peças ficassem na mesma altura e eu conseguisse uma visualização melhor. Gente, essa ideia foi uma BÊNÇÃO!

Pendurei todas as blusas, casacos, blazers, vestidos, coletes, macaquitos e macacões. Organizo da seguinte forma:

Na primeira arara:

1. Croppeds sem manga

2. Croppeds com manga

3. Blusas sem manga

4. Blusas com manga

5. Casaquetos e cardigãs

6. Macaquitos

7. Macacões

8. Conjuntinhos

Na segunda arara:

1. Coletes

2. Saias midi

3. Saias longas

4. Calças skinny

5. Calças flare

4. Vestidos sem manga

5. Vestidos com manga

6. Blazers

Na parte de baixo das araras tem umas grades, onde coloco as peças dobráveis como shorts, calças jeans, saias curtas….coisas que não amassem.

Dessa forma, consigo ver exatamente todas as peças que tenho e multiplico a quantidade de possibilidades exponencialmente! Valeu super a pena, gente! Além de ajudar na organização, o décor fica mais moderninho e atual, trouxe algumas fotos-inspiração pra vocês verem como a ideia é bacana:

6956395571_60b1412205_z araras  closetarara1 closet-mel penteadeira-closet tumblr_m7s6q41Cyr1r6ipclo1_500_large

Gostaram da ideia? Mesmo sendo um improviso, deu super certo!!! As araras/cabideiros que comprei são da Tok Stok e custaram R$350,00 cada – ache AQUI

Um xêro no coração!!! Fiquem com Deus e boa semana!!!

Sobre a blogueira

Cuca Amorim