Casamento Destaque

Mamãe 2017/2018: programando a liberação

images

A vida de blogueira está intrinsecamente ligada à minha vida pessoal… não dá pra separar. Na verdade, não quero separar. Esse espaço aqui começou como tábua de salvação, como uma luz no fim do túnel pra me tirar de uma grave depressão, por isso, tenho uma dívida de gratidão enorme com cada um de vocês que me acompanha e me ajuda a viver o meu sonho: trabalhar só com blog/moda!

Essa explicação vem antes de contar a novidade porque muita gente não acha bacana que se exponha certas coisas… Mas sempre colhi frutos muito positivos de tudo que compartilhei com vocês e dessa vez não vai ser diferente.

Eu e Rodrigo estamos juntos há 6 anos e 2 meses… Casamos há 2 anos e 3 meses. Tenho 30 anos e ele 31. Sempre planejamos nossas coisas com antecedência, programação e muita cautela, nós dois temos esse perfil de controladores de tudo, sabe?

Ele é concurseiro e acaba de ser nomeado na profissão dos sonhos dele, o que nos deu uma estabilidade financeira bacana pra começar a planejar os filhotes. Meu trabalho com o blog é super flexível e também me deu uma boa estabilidade financeira.

Começamos a planejar a liberação pra vinda dos nossos filhos, acho que no começo de 2017 e com a esperança do controle maior sobre o Zika Vírus, vamos tentar a vinda do nosso primeiro baby.

Tenho algumas amigas com a mesma idade que eu e que estão tentando engravidar e não conseguem. Ouvi tanto esse conselho de não esperar demais porque a gravidez pode demorar a chegar.. Que comecei a repensar.

Queria ter o primeiro filho aos 33 anos e, logo em seguida, engravidar do segundo. Mas vendo essa realidade tão difícil que é quando as coisas não andam conforme o planejado, resolvemos antecipar a liberação e cruzar os dedos pra que dê tudo certo.

Fui na ginecologista pra que ela me passasse todos os exames do pré-natal e a gente verificasse se está tudo ok comigo.

Já comecei levando um susto básico: uma mancha grande que pegava o colo do meu útero. Fiquei morrendo de medo de ser alguma coisa séria, mas fizemos o preventivo e, pela lâmina, não é nada além de uma inflamação que deve ser observada nos próximos 6 meses.

Ela passou ultrassom de mama e pelvis… Tudo ok também: os dois nódulos que retirei dos seios quando fiz a mamoplastia realmente sumiram, está tranquilo. Ovários em tamanho normal, aparentemente tudo certinho.

Também fiz hemograma, testes de HIV, Hepatite, Colesterol, Glicemia… um mói de exames que a gente faz com aquele medo bááááásico que dê algo errado, mas, graças a Deus, tudo ok novamente.

Achei importante verificar tudo com antecedência pois caso houvesse algo errado comigo, estaria totalmente dentro do meu prazo (idade X risco) fazer um tratamento médico pra resolver.

Como tenho muitas leitoras com a mesma idade ou situação que eu, resolvi dividir essas experiências com vocês e com o desejo de trocarmos figurinhas sobre esse novo universo da maternidade [futura, né?]

Vou contando sobre minhas dúvidas, anseios, preparação e tudo mais! Deixem aí seus comentários e experiências

Um xêro enorme!!!

 

Sobre a blogueira

Cuca Amorim

Formada em design de moda, advogada não praticante, vivo de dieta, adoro preto e branco, azul e vermelho. Acho que simplicidade é a chave para a elegância, principalmente ao lidar com as pessoas. Sou perua de carteirinha, não saio sem maquiagem e o secador é a minha terceira mão. Uso esse espaço pra trocar experiências sobre o universo feminino, mostrando que para se vestir bem é preciso ter mais informação que dinheiro.